Horta em apartamentos: Conheça os tipos de plantas

Morar em apartamento em uma grande cidade pode representar uma limitação cotidiana de espaço e de alternativas para completar o seu lar. Por isso, muita gente tem o sonho de morar em uma casa com quintal espaçoso para plantar temperos, flores e ervas. Mas, é simples criar uma horta em apartamento.

Basicamente, você só precisa usar a criatividade para poder montar uma horta em apartamento e saber escolher as plantinhas adequadas para se adaptar e crescer em um ambiente urbano. Afinal, é fácil realizar esse cultivo em qualquer espaço livre da sua casa.

Vale lembrar que essa iniciativa pode trazer diversos benefícios para o seu dia a dia, tais como:

  • Diversificar a sua alimentação com ingredientes naturais e sem agrotóxicos.
  • Possibilidade de apanhar ervas de chás direto de sua horta em apartamento.
  • Contato com a natureza e a beleza proporcionada.

3 ideias para horta em apartamento

1. Utilize caixinhas

Qualquer caixa que não esteja sendo utilizada na sua casa pode se transformar em um pequeno canteiro, seja na posição vertical ou na horizontal. Por contar com um tamanho mais avantajado, as caixas também podem comportar verduras e legumes, como o alface ou a rúcula.

2. Canecas também podem virar vasos

Com um pouco de criatividade, você pode reaproveitar as suas canecas antigas como mini-vasos para o balcão da sua cozinha ou algum espaço na sua varanda. Desse modo, as canetas ainda podem servir como decoração encantadora em uma mesa ou estante.

3. Garrafas plásticas

Se a intenção é colaborar com o meio ambiente não existe nada mais adequado do que reutilizar suas garrafas plásticas na sua horta em apartamento. As suas plantinhas podem ser colocadas dentro das garrafas plásticas para apanhar chuva, cultivar diferentes tipos de temperos e criar uma criativa horta suspensa.

Plantas para a sua horta em apartamento

Você já descobriu diversas opções para elaborar uma hortinha dentro de seu apartamento! Agora, pode dar mais vida e cor ao seu lar. Porém, é essencial conhecer os tipos adequados de plantas. É preciso levar em consideração alguns pontos antes de selecionar as espécies.

As plantas podem exigir uma atenção diferenciada para poderem ser cultivadas com sucesso, saúde e vitalidade nesse ambiente. Portanto, confira a seguir uma seleção com sete tipos de plantas apropriadas para uma horta em apartamento.

Pimenta

Você pode escolher a espécie de pimenta que preferir, pois os cuidados são semelhantes. O cultivo deve ser iniciado no inverno para que possa crescer até o inverno. A pimenta necessita de seis horas por dia de contato com a luz do sol e três regas por semana.

Resultado de imagem para horta pimenta

Orégano

O orégano pode atingir até 50 cm de altura e precisa de aproximadamente quatro horas de luz do sol todos os dias. Porém, você deve prestar atenção para não afogar as raízes, uma vez que as regas devem ser feitas com uma quantidade moderada de água.

Resultado de imagem para horta oregano

Manjericão

O manjericão deve ser plantado individualmente em um vasinho em um local com espaço considerável para evitar o aparecimento de pragas. Esse tempero necessita de quatro horas por dia de a luz solar e também de rega diária.

Resultado de imagem para horta manjericão

Salsa (ou salsinha)

A salsa exige um vasinho maior com cerca de 30 centímetros. Essa erva precisa contar com 5 horas de contato com a luz do sol todos os dias, mas a água só precisa ser colocada quando o solo estiver realmente seco. Vale lembrar que a muda precisa de um centímetro para se desenvolver novamente.

Imagem relacionada

Coentro

O coentro precisa ser plantado na época mais quente do ano para possibilitar seu crescimento. Já a exigência da luz do sol também é diária e tende a melhorar o sabor. Com relação à água, a rega deve ser apenas para umedecer a terra do vasinho e não deixá-la encharcada.

Resultado de imagem para horta coentro

Cebolinha

A cebolinha não precisa ser cultivada em vasinhos individuais, desde que a terra seja bem nutrida. Essa planta não necessita do contato direto com a luz do sol, mas deve ser deixada em um recinto bastante claro.

A rega dos vasos deve ser feita todos os dias, mas a cebolinha se desenvolve muito bem em qualquer época ou estação do ano. Por isso, é um ingrediente que pode ser plantado em qualquer estado do Brasil.

Resultado de imagem para horta cebolinha

Você tem uma horta em apartamento? Conte nos comentários a sua experiência!

FONTE: www.vivareal.com.br/blog

Publicado em Dicas | Com a tag , , , , | Deixar um comentário

Aprenda a decorar seu jardim sem gastar muito!

O jardim é uma parte da casa que pode fazer toda a diferença na decoração, estética e clima do ambiente. Porém, a decoração de jardim exige um pouco mais que um bom cultivo das plantas que se tem em casa. Sem dúvida elas são a estrela desse espaço, mas não devem deixar de ser acompanhadas de objetos que ajudem a adornar e enfeitar esse cantinho. No texto de hoje, você vai poder conferir algumas dicas incríveis para transformar o jardim da sua casa sem gastar muito, com criatividade e obtendo ótimos resultados. Acompanhe!

Seja criativo na hora de plantar

Existe uma grande diversidade de vasos no mercado, o que já traz ótimos resultados para quem quer deixar o jardim bonito. Porém, é possível deixar a criatividade mandar na decoração e usar outros objetos para plantar. Uma gaiola pendurada, por exemplo, pode servir de vaso para abrigar samambaias e outros tipos de plantas semelhantes. Outras ideias de vasos alternativos para dar um toque especial ao jardim são pneus, garrafas de vidro, latas estilizadas, garrafas pet e caixas encapadas.

Resultado de imagem para jardins com pet e vasos coloridos

Decore usando a criatividade

Algumas coisas que você tem em casa podem servir de apoio para armazenar seus vasos de plantas e ainda dar um toque especial à decoração. Aquela escada velha de madeira que você não usa mais ou algumas tábuas podem se transformar em ótimas prateleiras para guardar suas plantas e ainda trazer um ar rústico ao seu jardim. Você pode pintar esses objetos ou utilizá-los em suas cores naturais, de acordo com os outros tons que você já tem nesse espaço.

Blog da Rotina

Use móveis adequados para decoração de jardim

Se você tem espaço disponível e quer ter um ambiente relaxante, mas que também seja adequado para receber amigos, os móveis para jardim podem trazer esse conforto e deixar a decoração ainda mais bonita. Para isso, é importante investir em peças que sejam indicadas para a parte externa, principalmente se ela for descoberta e ficar exposta às alterações climáticas, como calor intenso e chuvas.

Se você já tem alguma peça em madeira (material que normalmente é o queridinho dos espaços externos), mas que fica dentro de casa, é interessante saber se esse móvel tem tratamento adequado para ficar do lado de fora da casa. Caso a resposta seja negativa, vale a pena se informar sobre esse tratamento ou investir em uma peça nova.

Apostar em bancos, espreguiçadeiras, mesas largas de centro e muitas almofadas é uma ideia simples, mas que traz ao ambiente um clima aconchegante. No caso das almofadas e estofados, opte por tecidos laváveis e impermeáveis para facilitar o seu dia a dia na hora da limpeza.

Resultado de imagem para almofadas no jardim

Mescle plantas e flores coloridas

A graça de um jardim está na diversidade de cores e plantas, trazendo um resultado incrível para os olhos. Mesclar plantas verdes e flores coloridas em um só espaço é uma alternativa simples e que cria um excelente efeito visual. Se você tiver espaço no chão, faça um pequeno ambiente incluindo arbustos, pequenas árvores, bonsais e flores coloridas, como zínias, dálias, margaridas, rosas, orquídeas, entre muitas outras.

Aposte em objetos de decoração típicos

É fato que cada ambiente da casa merece uma decoração condizente com o espaço. Com o jardim, não é diferente: as peças de decoração devem remeter a um momento de relaxamento, com cores em tons pastéis e amenos, para harmonizar com as plantas e flores. Invista em estátuas e fontes de água que trazem sons relaxantes e não exagere nos objetos. Deixe que a natureza faça o papel de deixar o seu espaço bonito e exalando paz e tranquilidade.

Imagem relacionada

Considere ter um jardim dentro de casa

Aquele espaço sem uso que você tem entre os quartos ou ao lado do banheiro também pode se transformar em um lindo jardim de inverno. Distribua pedras brancas ou coloque tábuas de madeiras sobre o chão para deixar o ambiente harmonizado com o clima de natureza. Depois, basta usar a criatividade e colocar móveis, fazer jardins verticais com painéis de madeira e decorar.

Resultado de imagem para jardim de inverno

Aposte em suculentas e temperos

Se você tem pouco espaço em casa, mas mesmo assim quer ter um cantinho que inspire os moradores e seus convidados, você pode optar por um pequeno jardim com plantas fáceis de cuidar e que podem ser plantadas em vasos menores. As suculentas e os cactos exigem poucos cuidados e resistem bem ao clima do Brasil, além de serem lindos.

Outra opção é uma horta, onde você pode plantar seus próprios temperos. Ela pode fazer parte de um jardim ou ser um pequeno espaço onde você tem tudo para cozinhar sem agrotóxicos. As pequenas hortas podem ser colocadas em prateleiras na própria cozinha, na janela ou no chão, se houver mais espaço.

Imagem relacionada

Invista na iluminação

As luzes escolhidas para clarear o ambiente podem fazer toda a diferença na decoração de jardim. O melhor de tudo é que é possível economizar e ter um resultado excelente na iluminação. Você pode colocar velas dentro de pequenas gaiolas e espalhá-las pelo chão, acendendo-as quando for receber visitas para criar um clima intimista e aconchegante.

Outra ideia é instalar luminárias em formatos de postes ou nas paredes, sempre cuidando para que a iluminação seja pontual e não total. Assim, elas não trarão claridade excessiva para o ambiente, mas que serão suficientes para deixar a visão clara e definida do espaço e das pessoas.

Resultado de imagem para velas em gaiolas no chão

Existem inúmeras ideias para a decoração de jardim ficar incrível e sem precisar de grandes reformas ou mudanças na casa. Com criatividade e alguns objetos que você já tem, já é possível trazer um toque especial para a parte externa do lar.

Não se esqueça de sempre de cuidar bem das plantas e seguir as orientações para cada uma delas, lembrando que cada espécie tem os cuidados certos para crescerem sempre bonitas e cumprirem seu papel principal na decoração do jardim. Gostou das nossas dicas? Tem alguma ideia de decoração de jardim para deixar seu espaço ainda mais bonito? Deixe seu comentário!

FONTE: www.vivareal.com.br/blog

Publicado em Dicas | Com a tag , , , , | Deixar um comentário

Como escolher o imóvel ideal para você?

Imagem relacionada

Chegou a hora de escolher o seu imóvel? Leia as dicas que preparamos e descubra qual o perfil ideal para a sua casa própria.

Vem com a gente e veja como fazer o melhor negócio!

  • Imóvel para solteiros

Geralmente, os solteiros possuem menos imóveis, valorizam a praticidades e optam por apartamentos pequenos. Por esse motivo muitas pessoas ainda pensam em um quarto e sala em condomínio por garantir mais segurança para os dias em que o imóvel ficar fechado e sem ninguém e zero preocupação com jardim e fachada.

Por causa da internet, o perfil da sociedade tem mudado. Cada vez mais as pessoas estão trabalhando em casa. Por isso, veja bem se este não é o seu caso ou se você pretende futuramente transformar o seu negócio em uma atividade remota.

Caso seja, lembre-se de escolher um imóvel que te possibilite transformar um cômodo em home office.

Outro item bem importante para quem busca um apê pequeno para solteiro, é conhecer a área de lazer do condomínio. Locais como salão de festas, cozinhas gourmet ou espaço churrasqueira é uma excelente opção para receber os amigos.

Resultado de imagem para imóvel solteiros

  • Imóvel para casais

Recém-casados costumam escolher apartamentos pequenos, um pouco maiores do que os de solteiro para receber os amigos e a família.  Mas neste caso é importante levar em consideração se existem planos de aumentar a família no futuro, optando por um apartamento com um quarto a mais.

Assim você não precisa se desgastar caso a cegonha chegue e você não tenha um lugar adequado para o pequeno, e consequentemente tenha que anunciar o imóvel para venda para tentar encontrar outro maior.

Se atente a planta do imóvel, que precisa ser bem planejada de forma que possibilite reformas futuras. Comprar uma casa com um quarto enorme e uma cozinha bem pequena, também não é muito recomendado e a longo prazo pode resultar em problemas.

Busque imóveis que estejam próximos a comércios e conveniências. Costumam frequentar bares e restaurantes ou preferem ir ao teatro? Pense em seus hábitos na hora de escolher o imóvel mas apropriado ao casal.

Imagem relacionada

  • Casal com filhos

Paras os casais com filhos pequenos é super normal pensar na infraestrutura para a criançada, já que quanto melhor for a área de lazer, mais diversão para as crianças e tranquilidade para os pais.

Então, é claro que condomínio com piscina, playground, brinquedoteca e quadra é uma excelente escolha, mas não deve ser a única preocupação.

Analise o entorno do apartamento, se há bons colégios, hospitais e clinicas, a oferta de transporte público e a vizinhança.

Atenção: Existem outras situações menores que também precisam de atenção. Listamos algumas para você:

Resultado de imagem para imóvel casal com filhos

  • Para quem gosta de pets

Não esqueça de conferir as regras do condomínio antes assinar o contrato. Evitar aborrecimento com vizinhos optando por uma casa as vezes pode ser melhor. No entanto, existem atualmente vários apartamentos que aceitam cães, gatos e outros amiguinhos.

Resultado de imagem para imóvel com pet

  • Idosos ou portadores de necessidades especiais

Confira todos os acessos que o local oferece antes de fechar negócio. Não é ideal comprar um imóvel em ruas com ladeiras ou em prédios sem elevador, por exemplo.

Resultado de imagem para familia com idoso

  • Não é fã de direção?

Você pode economizar comprando um imóvel sem vaga, caso não goste de dirigir, mas é preciso ficar atento a oferta de transporte. Dê preferencia aos bairros com linhas de ônibus.

Pronto, você está pronto para escolher o melhor imóvel para o seu caso. Aproveite e confira as nossas ofertas (https://rotina.com.br/), e depois nos conte o que mais influenciou a sua escolha.

Resultado de imagem para esperando onibus

Publicado em Dicas | Com a tag , , | Deixar um comentário

Casa ou apartamento, qual a melhor opção?

Imagem relacionada

Para não errar na escolha, é fundamental conhecer as particularidades de cada perfil de moradia, analisando qual atende o seu estilo de vida.

Mas fique atento: nesse momento, você não deve considerar apenas as suas necessidades atuais, é preciso que você pense no futuro.

Para te ajudar, listamos os pontos positivos e negativos de viver em casa ou apartamento. Veja:

Casa

  • Pontos positivos

  1. Espaço: Para quem possuí filhos pequenos e/ou pets, ter um quintal que permita que eles possam gastar as energias ao ar livre sem a necessidade de sair de casa para ir a praças ou parques é uma praticidade e tanto.

  2. As decisões são suas: Você não precisa ter que chegar a um consenso coletivo, através de votações em assembleias dirigidas por um síndico para definir investimentos necessários como melhorias e reformas a serem feitas.

  3. Sem taxa de condomínio: Exceto as casas em condomínios fechados, casas em vias abertas ficam livres de pagar a taxa condominial.

  • Pontos negativos

  1. Alto custo: Como não há com quem ratear as despesas, os gastos para a manutenção que são fundamentais para a conservação do imóvel, ficam inteiramente por conta do proprietário e em algumas vezes, ultrapassam a economia obtida com a ausência da taxa de condomínio.

  2. Menos segurança: A falta de uma portaria ou sistema de segurança (a não ser que o proprietário providencie por conta própria) faz com que as casas sejam mais vulneráveis. Até mesmo a sensação de liberdade cai por terra, pois hoje em dia é preciso erguer muros altos para proteção da residência.

Apartamento

  • Pontos positivos

  1. Segurança: A portaria possui o controle de entrada e saída, assim como evita o acesso ao prédio de vendedores e desconhecidos. Além de intimidar os criminosos com a existência de um sistema de vigilância completo.

  2. Praticidade: Cuidar de um apartamento é muito mais fácil do que de uma casa, basta manter a limpeza dos cômodos internos, já que as áreas externas contam com prestadores de serviço.

  3. Facilidade: Grandes empreendimentos costumam atrair uma ampla rede de comércios e serviços para o seu entorno, evitando a necessidade de se deslocar pela cidade para dar conta das demandas diárias.

  4. Qualidade de vida: os apartamentos tendem a contar com uma infraestrutura completa que proporciona aos moradores áreas verdes, churrasqueira, parquinho, quadra e muito mais.

  5. Economia: Mesmo com a taxa condominial, se os gatos com a manutenção do imóvel e a redução das despesas com lazer e academia de ginástica forem colocados no papel, o custo de morar em um apartamento é bem menor do que em uma casa.

  • Pontos negativos

  1. Compromisso: apesar das vantagens embutidas na taxa condominial (manutenção das áreas externas do imóvel, segurança reforçada, espaços de lazer e para a prática de atividades físicas etc.), trata-se de uma conta que deve ser paga mensalmente, para não se tornar inadimplente.

 
Publicado em Dicas | Com a tag , , , , , , , | Deixar um comentário